Faça Parte do Nosso Grupo no WhatsApp

Imagem

VdE | Oficial de Coordenação e Advocacia (M/F) |Aliança da Sociedade Civil Contra Usurpação de Terra (ASCUT)

A Aliança da Sociedade Civil Contra Usurpação de Terra (ASCUT) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Oficial de Coordenação e Advocacia (M/F).

Contexto

Aliança da Sociedade Civil Contra Usurpação de Terra (ASCUT), é uma rede de organizações não  governamentais (ONGs), nacionais e internacionais criada em Julho de 2014 com o objectivo de maximizar sinergias entre as organizações da Sociedade Civil, com vista a tornar eficazes as suas  acções de advocacia contra a usurpação de terras, de modo que mulheres e homens usufruam do  direito de posse, segurança e controlo da terra em Moçambique.

Portanto, a Aliança encontra-se desde o princípio do corrente ano a implementar um programa  com o apoio financeiro da CARE Moçambique, denominado Parcerias e Alianças da Sociedade  Civil pela Resiliência das Comunidades (PARCO) e o programa Parceria para a Aliança de  Prestação de responsabilidade social, financiado pela Actionaid Moçambique. De forma a  assegurar a implementação destes programas, a ASCUT pretende recrutar para o seu quadro de  pessoal uma/um Oficial de Coordenação e Advocacia experiente dinâmico e criativo para  desempenhar as responsabilidades que seguem:

 

Principais Tarefas e Responsabilidades

· Representar a ASCUT diante dos parceiros, incluindo as autoridades governamentais, financiadores, sector privado e outros atores sociais;

· Coordenar a prestação regular e atempada de contas das actividades e fundos da ASCUT aos membros e parceiros financeiros da Aliança;

· Assegurar uma coordenação estreita e harmoniosa com a organização hospedeira da Aliança;

· Desenhar e Coordenar a estratégia de advocacia da ASCUT a nível nacional em conjunto com os membros da Aliança e outros atores da sociedade civil;

· Liderar o processo mobilização de recursos para o funcionamento e sustentabilidade da ASCUT;

· Apoiar os membros na elaboração de propostas na mobilização de recursos para implementação da estratégia de advocacia da ASCUT;

 ·  Organizar pesquisas e estudos nas áreas temáticas da ASCUT e produzir relatórios com evidências que possam servir de objeto de análise, reflexão e matéria para desenvolver ações de advocacia;

·  Coordenar todos encontros da Aliança, bem como outros organismos da sociedade civil, instituições governamentais e sector privado;

·  Produzir e partilhar relatórios, documentos, informação relevante feitos durante os encontros entre os membros e não só de possíveis eventos que representará a ASCUT;

·  Monitorar as atividades ao nível do grupo e desenvolver Iniciativas com vista a fortalecer o grupo e garantir a sua sustentabilidade;

·  Manter, reforçar e estabelecer alianças com atores chave ligadas a advocacia na área de terras e influenciar ativamente alvos externos, em consonância com o objetivo da Aliança;

·  Apoiar na mobilização das instituições governamentais, estatais e organizações da sociedade civil para o seu engajamento nos assuntos relacionados com a governação de  terras e políticas agrárias;

·  Apoiar no estabelecimento das ligações entre redes/plataformas e organizações do nível local, nacional, regional e internacional que trabalham na temática de terra e agricultura;

Requisitos

Grau Universitário numa área relevante, tais como Ciências Sociais, Administração Pública, Agricultura, Desenvolvimento Rural ou combinação equivalente de educação e experiência de trabalho;

O candidato deve ter no mínimo cinco (5) anos de experiência prática em programas de desenvolvimento, monitoria e avaliação e advocacia;

Possuir no mínimo cinco (5) anos de experiência comprovada em trabalhos e fortalecimento de Redes, Plataformas e Organizações Comunitárias de Base, assim como;

Experiência na área de advocacia e lobby, análise de políticas e habilidades para coordenar ações com diferentes atores, sendo de mais-valia ações de influenciar processos;

Capacidade de análise contextual e situacional referente a causas de usurpação de terra (indústria extrativa, agronegócios, investimentos turísticos e construção), e ser capaz de propor sugestões de atuação;

Capacidade de pensar de forma estratégica e criativa e excelente Capacidade de comunicação, trabalhar sob pressão e gerir trabalho complexo e comprimento de prazos;

Habilidade de priorizar, planificar e organizar atividades e sistematizá-las em planos e orçamentos anuais operacionais;

·  Ser dinâmico e capaz de motivar os membros da ASCUT e outros atores a fazer parte da Aliança, assegurando que a análise de género é aplicada em todos os níveis de Planeamento e execução;

·  Uso da abordagem coaching e mentoria nas suas intervenções, de modo a capacitar as organizações membros da Aliança, a nível nacional para se envolver no processo de influência política, Leis, estratégias;

·  Senso de responsabilidade, honestidade e integridade, cometimento, capaz de trabalhar com mínimo de supervisão;

·  Fluente na Língua portuguesa escrita e falada e conhecimento de Inglês é uma vantagem;

·  Capacidade para trabalhar com os membros da aliança de forma participativa e sensível, assim como consciência e sensibilidade ao género e diversidade;

·  Capacidade de trabalhar de forma independente e em equipa, assim como para ouvir e apoiar os colegas e parceiros da aliança;

·  Habilidades de comunicação escrita e oral bem desenvolvidas na língua Portuguesa e Inglesa, bem como capacidade de comunicar de forma clara e sensível com as partes interessadas internas e externas;

·  Habilidades básicas de informática, incluindo Microsoft Word, Excel, PowerPoint e Outlook e, habilidades avançadas de pesquisa na Internet;

·  Capacidade de trabalhar efectivamente em circunstâncias difíceis e disponibilidade para  viajar dentro e fora do país;

·  Experiência e conhecimento na área de género, terras, recursos naturais e agricultura é uma vantagem;


Exigências

Curriculum Vitae;

Carta de Candidatura;

Cartas de Referências.


Processo de Candidatura

Email: recrutamento.ascut@gmail.com

Valido ate: 02/06/2021


CLIQUE AQUI PARA SE CANDIDATAR


Vagas Mais Procuradas

VdE | 25 vagas disponíveis Facilitadora Distrital | Be Girl Mozambique LDA

VdE | 10 vagas para Inquiridores | Save The Children International

VdE | 7 vagas disponíveis | MOVITEL

VdE | assistente de serviço ao cliente| CONTACT

VdE | Assistente de Armazém | Save the Children Internacional (SCI)

VdE | 7 Vagas- Digitadores de dados farmácia | Centro de Colaboração em Saúde (CCS)

VdE | digitador IDART | CONTACT

VdE | 6 Vagas - Arquivistas seis | Centro de Colaboração em Saúde (CCS)