Vagas por Província

VdE | Assitência técnica para gestão de equipe de Abrigo | Ayuda en Acción

 



A Fundação Ayuda en Acción é uma organização com presença internacional que, a partir de um compromisso global, luta contra a pobreza, a desigualdade e a exclusão desde o seu nascimento em 1981. Nosso âmbito de actuação está implantado na África, América Latina, Ásia, e desde 2013 também na Espanha. Naqueles territórios e assentamentos com maior vulnerabilidade e menos acesso às oportunidades para poder exercer seus direitos com igualdade e equidade.

Uma organização não confessional e apartidária, comprometida com os valores que emanam do respeito aos Direitos Humanos e que cria a necessidade de gerar mudanças que possibilitem a justiça social, apoiando as causas que geram desigualdade de oportunidades, exclusão social e pobreza.

Desde 2019 a Ayuda en Acción tem vindo a desenvolver projectos na área humanitária em Moçambique na Província de Cabo Delgado, no quadro da resposta à crise de deslocamentos internos provocada pela violência armada no centro / norte da Província.

Em seu portfólio, encontram-se projectos em andamento nas áreas de abrigo, água, saneamento e higiene e protecção, com diversos parceiros financiadores como UNICEF, OIM, ACNUR, UNOPS e participando de grupos de coordenação (clusters) do sector.

Neste momento, há um crescimento exponencial da ajuda humanitária na Província, motivo do ressurgimento da violência e da propagação de doenças endêmicas (e COVID-19) e da necessidade de posicionar os assentamentos existentes e atender às suas necessidades básicas. (No momento não vemos uma população estimada pelas agências da ONU em cerca de 800.000 pessoas).

ObjeCtivo da Posição

Com sede em Pemba, Cabo Delgado e sob supervisão directa e orientação do Coordenador de Shelter e WASH, o objectivo principal é oferecer apoio operacional e administrativo ao coordenador de Abrigo e auxiliar no planeamento geral e desenho de projetos.

Dirección técnica da equipe de shelter e planificação, supervição e asseguramento da correcta implementação das actividades para a construção e reabilitação de abrigos nos distritos de Metuge e Ancuabe.

Principais responsabilidades
  • Liderar a equipa de abrigo nas diferentes intervenções que a AeA realiza em contextos de pessoas deslocadas pela situação de violência na província de Cabo Delgado;
  • Coordenar/desenvolver/actualizar estratégias de resposta e planos de ação acordados com doadores, governo e os clusters de CCCM e abrigo;
  • Gestão da equipa de abrigo, coordenação dos membros da equipa, planeamento das atividades semanais, recolha de relatórios semanais dos membros da equipa e comunicação com a logística para o desenvolvimento de planos de viaturas semanais;
  • Gestão e requisição de materiais necessários para o programa de abrigo. Coordenação e acompanhamento das encomendas em coordenação com a equipa logística e fornecedores;
  • Gestão e acompanhamento dos orçamentos dos projetos para a correta execução das atividades;
  • Representar a AeA em espaços de coordenação e trabalho em rede vinculados ao seu âmbito de intervenção. Participação em grupos de coordenação como o cluster de CCCM e abrigo a nível distrital e nacional como representante da AeA; Preparação de relatórios e documentos exigidos pelos diferentes clusters (5w, stock reports...).
  • Acompanhamento e monitorização das actividades e indicadores de cada projecto em estreita relação com os membros da equipa do abrigo e o cluster do abrigo e CCCM;
  • Supervisão e criação de condições para o cumprimento das normas e indicações refletidas no manual de intervenção humanitária Ayuda en Acción Mozambique nas distribuições e projetos de abrigo ;
  • Comunicação directa com parceiros e doadores para a implementação de projetos. Elaboração de relatórios para doadores e parceiros;
  • Controlo de pagamentos para actividades de abrigo;
  • Organizar participação da população afetada na gestão dos acampamentos e as intervenções , com particular ênfase nas mulheres e nas pessoas com necessidades específicas (idosos, pessoas com problemas de saúde mental, etc).

Condições da oferta
  • Incorporação imediata;
  • Lugar de trabalho: Pemba, Cabo Delgado com viagens frequentes a Metuge, Ancuabe outras zonas de intervenção;
  • Duração: 8 meses;
  • Validade: 12/10/2022

Em todos os processos de selecção teremos em conta os critérios de NÃO discriminação com base no sexo, raça, cor da pele, religião, ideias políticas, origem social, orientação sexual, idade, etc., proporcionando um processo transparente e de igualdade de oportunidades para todos os candidatos, tal como estabelecido no nosso Código de Conduta. "Tratar todas as pessoas com respeito e rejeitar qualquer tipo de assédio, discriminação, intimidação, exploração ou qualquer outra acção contra os Direitos Humanos".

Na Ayuda en Acción temos tolerância zero para comportamentos relacionados com exploração sexual, abuso sexual e/ou assédio sexual, razão pela qual, de acordo com a nossa Política de Protecção da Criança, estamos empenhados em efectuar uma série de verificações antes da contratação, solicitando informações a empregadores anteriores através do Esquema de Divulgação de Má Conduta (The Misconduct Disclosure Scheme misconduct-disclosure-scheme.org) no caso dos referidos empregadores serem membros desta plataforma. Por conseguinte, ao apresentar esta candidatura, o candidato a emprego aceita e autoriza a realização destas verificações a fim de continuar no processo de selecção.

Além disso, será obrigatória a apresentação da "Certificação Negativa do Registo Central de Criminosos Sexuais" antes da incorporação.

Requisitos:

Conhecimento e experiência
  • Mínimo de 5 anos de experiência profissional no trabalho humanitário, de desenvolvimento ou social
  • Conhecimento do inglês
  • Experiência forte e comprovada em gestao de distribuições massivas
  • Fluente em Português e Inglês.
  • Capacidade de organização e de elaborar relatórios detalhando as atividades empreendidas e dados coletados
  • Perfil de trabalho dinâmico e facilidade de trabalhar sob pressão.
  • Atitude de trabalho proactiva, positiva e responsável
  • Conhecimentos informáticos (Excel, Word)
  • Vontade de trabalhar nas zonas receptoras de pessoas deslocadas em Cabo Delgado
  • Compromisso forte com os princípios humanitários fundamentais, a igualdade de género e a proteção das crianças.

Outros requisitos
  • Experiência laboral com organizações não governamentais será uma grande vantagem.
  • Conhecimento de outras línguas locais como Makua ou Maconde

FAÇA PARTE DO
NOSSO GRUPO DO WHATSAPP




 

Vagas Mais Procuradas

VdE | (10) Oficiais Distritais de Mudança Social e de Comportamento | N´wet

VdE | Recepcionista Administrativo | Organização Comunitária para Saúde e Desenvolvimento

VdE | (3) Supervisores de Campo | N´weti

VdE | Motorista | CARE Internacional

VdE | Assistente de Servico ao Cliente | ABSA

VdE | Oficiais de Crédito Estagiários | Futuro MCB, S.A

VdE | 10 vagas para Brigadistas/ operários | Conselho Municipal de Maputo

VdE | Oficial de Procurement | Associação ActionAid Moçambique (AAMoz)

VdE | Gerente de Loja | RH RESOLVE

VdE | Administrativo e Gestor de Escritório | Direccione Consultants